terça-feira, 30 de agosto de 2016

Se entrada era o que faltava para sua compra compartilhada , agora ela é facilitada. E com 10% do valor você ja esta voando!


 RIO E JANEIRO:
Alexandre Yokoyama - 21 . 995 480 040  -  alexandre@ybbrio.com
    Contato:  Rio de Janeiro: 21. 995 480 040 Alexandre Yokoyama - WhatsApp   


Impeachment: Dilma pode cair hoje

Agenda do investidor para esta terça-feira

Reunião COPOM Início: início das reuniões do COPOM (Comitê de Política Monetária) do Banco Central que definem o rumo da taxa básica de juros da economia. IGP-M (FGV): índice de inflação calculado todo o mês e comumente utilizado para a correção de contratos de aluguel e tarifas de energia elétrica. PNAD Contínua: produz informações contínuas sobre a inserção da população no mercado de trabalho. S&P Case-Schiller HPI: índice de preços de moradias referente ao mercado imobiliário residencial norte-americano. Consumer Confidence: índice que mede, por meio de entrevistas, a situação econômica atual e expectativa do consumidor norte-americano para o futuro próximo.

Impeachment: Dilma pode cair hoje

A sessão de julgamento do processo de impedimento da presidente afastada Dilma Rousseff foi suspensa ontem à noite e será retomada na manhã desta terça-feira. Acusação e defesa farão considerações finais e os senadores poderão se manifestar. Depois do processo, o presidente do Supremo Tribunal Federal dará início à votação que definirá o futuro de Dilma: perda da presidência e inelegibilidade para ocupar cargos públicos por oito anos. O resultado final do processo é esperado para a o final do dia ou madrugada de quarta-feira.
Fonte: ADVFN

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Fará pronunciamento: Dilma vai ao Senado nesta segunda

Agenda do investidor para esta segunda-feira
Relatório Focus (Banco Central): Relatório semanal com as projeções econômicas do mercado com base em consulta a aproximadamente cem instituições financeiras. Balança Comercial: Saldo da Balança Comercial brasileira na semana. Personal Income and Outlays: dados de renda e dispêndio dos consumidores norte-americanos.
Fará pronunciamento: Dilma vai ao Senado nesta segunda
A presidente afastada Dilma Rousseff fará um pronunciamento hoje no Senado, um dia antes da votação final do seu processo de impedimento. Dilma terá trinta minutos para fazer sua defesa, mas não será interrompida ao se prolongar. Os senadores poderão fazer perguntas à presidente afastada, que terá tempo ilimitado para suas respostas. Os senadores não poderão replicar. Segundo analistas políticos, o processo se prolongará durante toda esta segunda-feira.