março 01, 2021

Tegra Incorporadora, antiga Brookfield, protocola pedido de IPO na CVM

 Tegra Incorporadora, antiga Brookfield, quinta maior empresa brasileira de construção de imóveis no Brasil, protocolou pedido de IPO na CVM e as ações serão listadas no Novo Mercado da B3.

Segundo o prospecto preliminar enviado à CVM, a oferta será primária e secundária terá como coordenador líder o Itaú BBA. BTG Pactual, Bank of America, Bradesco BBI, Santander e ABC Brasil serão coordenadores da oferta.

A oferta primária, com emissão de novas ações e aumento de capital, e secundária, com o Fundo Brookfield, que possui 99,73% da empresa, vendendo parte de sua fatia. Antigamente, a companhia levava o nome do fundo que tem a maior parte do seu capital e já foi listada em bolsa, tendo tido seu capital fechado em 2014 em meio à crise econômica e a problemas internos.

Segundo o prospecto preliminar, a Tegra utilizará 83% dos recursos levantados através da oferta primária para adquirir novos terrenos. Os 17% restantes serão destinados a reforçar o caixa da companhia.

Não há informações, até então, do total de papéis da Tegra que serão vendidos. O documento deixa em aberto a possibilidade de um lote suplementar, de 15% do total de ações ofertadas inicialmente, ser adicionado, e também de um lote adicional com até 20% do total inicial de ações.