Petrobras anuncia plano de desligamento voluntário


Segundo a estatal, o plano é fruto da implantação do Programa de Otimização de Produtividade

Fátima Laranjeira, do 
Divulgação
Funcionário da Petrobrás em refinaria de petróleo
Funcionário da estatal: de acordo com a Petrobras, as inscrições para o plano de desligamento abrangem todos os empregados desligáveis com idade igual ou superior à 55 anos
São Paulo - A Petrobras informou nesta sexta-feira, 17, que sua diretoria executiva aprovou nesta quinta-feira um Plano de Incentivo ao Desligamento Voluntário (PIDV).

Segundo a empresa, o plano é fruto da implantação do Programa de Otimização de Produtividade (POP), que tem por objetivo "influenciar positivamente na produtividade da Petrobras visando contribuir para o alcance das metas de desempenho do Plano de Negócios e Gestão (PNG)".
"A proposta do PIDV foi desenvolvida de forma a planejar e sistematizar os desligamentos dos empregados que se inscreverem no programa atendendo aos seguintes objetivos: adequar os efetivos da companhia ao PNG; atender aos interesses da companhia compatibilizando com as expectativas dos empregados e preservar os conhecimentos existentes na companhia", afirma a estatal em comunicado.
De acordo com a Petrobras, as inscrições para o plano de desligamento serão voluntárias e abrangência a todos os empregados desligáveis com idade igual ou superior à 55 anos.

.