JPMorgan vê ações da OGX encostando no zero


JPMorgan vê ações da OGX encostando no zero

Banco traça três cenários sobre o put, no pior, ação valeria entre 0,04 e 0,05 centavos de real

Divulgação
Navio-plataforma da OGX
Navio-plataforma da OGX: relatório do JP Morgan afirma que o cenário é de extrema incerteza desde o pedido da OGX para que Eike Batista faça o investimento de 1 bilhão de dólares na empresa
São Paulo – O JPMorgan rebaixou sua recomendação da OGX (OGXP3) de neutra para venda. O banco vê desafios operacionais e financeiros para a companhia e um papel que pode valer 0,04 centavos no pior cenário – cerca de dez vezes menos do que o valor atual da ação – dependendo do investimento (ou não) do 1 bilhão de dólares por parte de Eike Batista.
Relatório do banco afirma que o cenário é de extrema incerteza desde o pedido da OGX para que Eike Batista faça o investimento de 1 bilhão de dólares na empresa.
Em relatório, os analistas Caio Carvalhal e Felipe dos Santos traçam três cenários possíveis: nenhuma injeção de capital; injeção de 100 milhões de dólares e o investimento total de 1 bilhão.
Para o primeiro cenário, de investimento zero por parte de Eike, o JPMorgan vê o preço da ação entre 0,04 e 0,05 centavos, sob uma probabilidade de 60%.
Com uma injeção de 100 milhões de dólares, o preço do papel iria para o intervalo entre 0,11 e 0,13 centavos, com uma probabilidade de 30%. A chance de 10%, segundo o JPMorgan, é que a ação salte para o intervalo entre 0,64 e 0,78 centavos. A média dos cenários leva a projeção do preço do papel para o patamar de 0,12 a 0,15 centavos.
Às 10:06 de hoje, a ação valia 0,45 centavos, com alta de 2,27%.
No curto prazo, a OGX precisa encontrar uma fonte financeira para manter as operações no curto prazo – o JPMorgan estima um mínimo de 600 milhões de dólares necessários até o fim do ano – garantir que Tubarão Martelo entre em produção no início de 2013, no máximo, e que a Petronas cumpra o pagamento de 500 milhões de dólares depois desse evento.
No longo prazo, a OGX precisará chegar a um acordo com os detentores de títulos e encontrar um novo locatário para OSX-1 e OSX-2, lembra o banco. O JPMorgan estima que a base de ativos da OGX tenha o valor de 4,4 bilhões de dólares.

http://exame.abril.com.br/mercados/cotacoes-bovespa/acoes/OGXP3

.