Eike quer que credores injetem até US$ 500 milhões na OGX


Segundo o jornal Folha de S.Paulo, Eike já mostrou que não vai aportar US$ 1 bilhão na petroleira

Marcos Issa/Bloomberg
O empresário Eike Batista
Eike Batista: empresário quer transformar credores da OGX em sócios
São Paulo – Para evitar a recuperação judicial da OGXEike Batista vai propor que os credores da petrolífera injetem de 250 milhões a 500 milhões de dólares na empresa,segundo o jornal Folha de S.Paulo.
De acordo com a publicação, Eike não está disposto a aportar 1 bilhão de dólares na OGX, conforme o acordo anunciado em outubro de 2012, e este seria o caminho para que a empresa continue operando, na avaliação do empresário.
De credor a sócio
A proposta que será apresentada na próxima terça-feira, segundo o jornal, envolve os detentores de títulos de dívida da empresa, os chamados bonds, cujos papéis totalizam 3,6 bilhões de dólares. Em troca do dinheiro, os credores teriam suas dívidas convertidas em ações da OGX.
Segundo a Folha, a decisão pode demorar algumas semanas, e os credores consideraram a ideia incomum e “difícil”. A tendência ainda é que eles obriguem Eike a aportar o 1 bilhão de dólares que prometeu.
O jornal afirma que a OGX já está atrasando pagamentos e há dúvidas sobre se o seu caixa vai durar além deste mês.

.