Vendas da BMW em julho superam as da Audi e sobem 13,5%


Vendas de veículos da marca subiram 13,5% em julho, fazendo com que as entregas nos primeiros sete meses do ano somassem 932.848 carros

Bloomberg
Montagem de carros da BMW
Montagem de veículos da BMW: no acumulado do ano, a vantagem da montadora sobre a Audi diminuiu ligeiramente de 24.000 para 21.000 carros
Berlim - As vendas da BMW em julho cresceram mais rapidamente que as da montadora rival Audi, alimentadas por fortes ganhos na China e nos Estados Unidos.
A BMW afirmou nesta quinta-feira que as vendas dos veículos da marca subiram 13,5 por cento em julho, para 128.594 carros, fazendo com que as entregas nos primeiros sete meses do ano somassem 932.848 veículos, um ganho de 8,4 por cento.
A competidora Audi, divisão de luxo da Volkswagen, apresentou na véspera um avanço de 9,8 por cento no mês, para 131.300 automóveis, enquanto a Mercedes-Benz disse na semana passada que as vendas de julho subiram 20 por cento, para 116.790 carros.
No acumulado do ano, a vantagem da BMW sobre a Audi diminuiu ligeiramente de 24.000 para 21.000 carros. Tanto a Audi quanto a Mercedes buscam desbancar a BMW do posto de maior montadora de luxo do mundo até o final da década.

.