BR Distribuidora / Estreia na B3 - Os papéis da BR Distribuidora estreiam nesta sexta-feira (15) na Bolsa Brasileira, após levantar R$ 5 bi no maior IPO desde 2013. O preço da ação ficou em R$ 15. / Burger King (BKBR3) / IPO - As ações do Burger King Brasil (BKBR3) foram precificadas a R$ 18 no IPO, no teto do intervalo proposto pelos coordenadores da oferta, que estava entre R$ 14,50 e R$ 18. A operação girou no total R$ 2,2 bilhões.

Aviso aos Acionistas
Positivo (POSI3) / Dividendos – A Positivo Informatica iniciará nesta sexta-feira (15) a distribuição de R$ 2.209.525,25 a título de dividendos, correspondendo ao valor de R$ 0,02566321 por ação. Terão direitos aos dividendos, os acionistas inscritos até o dia 28 de abril de 2017. O pagamento será feito em uma única parcela, sem correção monetária.

Pão de Açúcar (PCAR3) / Juros sobre Capital Próprio – O Grupo Pão de Açúcar anunciou que nesta sexta-feira (15) iniciará o pagamento de seus Juros sobre Capital Próprio, no montante bruto de R$ 81.029.411,76, correspondendo ao valor de R$ 0,28 por ação ordinária e R$ 0,31 por ação preferencial. O pagamento será feito com base na posição acionária do dia 06 de dezembro de 2017 e a partir do dia 07/12, as ações da empresa passaram a ser negociadas como ex-juros.

Metisa (MTSA3) / Juros sobre Capital Próprio – A Metisa iniciará nesta sexta-feira (15) o pagamento de seus Juros sobre Capital Próprio, correspondente a R$ 0,50 por ação ordinária e a R$ 0,55 por ação preferencial.
Brasil e o Mundo
Rodrigo Maia / Reforma da Previdência - O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), anunciou que vai colocar a reforma da Previdência para votação no plenário em 19 de fevereiro de 2018, com as discussões começando em 5 de fevereiro.

Receita Federal / IRPF - A Receita Federal paga nesta sexta-feira (15) o sétimo e último lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2017. O lote contempla cerca de 1,9 milhão de contribuintes, que vão receber R$ 2,88 bilhões.

Zona do Euro / Balança - A zona do euro teve superávit comercial de 19 bilhões de euros em outubro, bem menor do que o saldo positivo de 24,5 bilhões de euros registrado em setembro.
Destaques do Dia
É oficial: a Reforma da Previdência ficou mesmo para 2018 e isso deve manter um certo nervosismo nos mercados domésticos nessa reta final do ano, afinal, o cenário brasileiro para o ano que vem fica mais nebuloso e incerto quanto à sucessão presidencial.
O presidente da Camara dos deputados, Rodrigo Maia, anunciou que a reforma só será votada no dia 19 de fevereiro de 2018, e com o carnaval no meio do mês, os investidores já dão como improvável a aprovação das novas regras para a aposentadoria logo no início do próximo ano. Até porque, o principal motivo para a não votação da reforma da Previdência em 2017 ainda é a falta de apoio suficiente da base aliada.
Ou seja, o governo ainda precisa conquistar os 308 votos necessários para passar a matéria ao Senado, mas a pausa no Congresso deve dificultar as negociações. Com esse adiamento, o Presidente Michel Temer passará o mês de janeiro com a agenda reservada para tentar convencer parlamentares indecisos e buscar votos, mesmo sendo período de recesso.
Nessa época, é bom lembrar, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deve decidir se vai lançar a sua candidatura para a presidência, ou se permanecerá no cargo atual e intensificará os esforços para aprovar a “agenda positiva”. Afinal, além da Previdência, o governo tem de tocar outras pautas importantes, como mudanças no sistema tributário e a privatização da Eletrobrás.
Empresas
Burger King (BKBR3) / IPO - As ações do Burger King Brasil (BKBR3) foram precificadas a R$ 18 no IPO, no teto do intervalo proposto pelos coordenadores da oferta, que estava entre R$ 14,50 e R$ 18. A operação girou no total R$ 2,2 bilhões.

Ultrapar (UGPA3) / Investimentos - O conglomerado Ultrapar planeja investir R$ 2,676 bilhões em 2018, sendo R$ 1,545 bilhão na Ipiranga, segundo comunicado enviado ao mercado nesta quinta-feira (14).

Vale (VALE3) / Juros sobre capital próprio - A Vale informou em fato relevante nesta quinta-feira, 14, o seu Conselho de Administração aprovou o pagamento de remuneração aos acionistas na forma de juros sobre o capital próprio. O montante total será de R$ 2.182.466.504,43, correspondendo a R$ 0,419912462 por ação em circulação.

Petrobras (PETR4) / ExxonMobil - A Petrobras e a petroleira norte-americana ExxonMobil assinaram nesta quinta-feira (14) um memorando de entendimento para uma aliança estratégica que vai identificar e avaliar potenciais oportunidades de negócios. As empresas vão analisar as áreas de interesse conjunto em todos os setores da cadeia de valor da produção de petróleo e gás. Também serão avaliadas possibilidades de cooperação em exploração, produção, gás e produtos químicos, dentro e fora do Brasil.

BR Distribuidora / Estreia na B3 - Os papéis da BR Distribuidora estreiam nesta sexta-feira (15) na Bolsa Brasileira, após levantar R$ 5 bi no maior IPO desde 2013. O preço da ação ficou em R$ 15.

Petrobras (PETR4) / BSbios - A Petrobras iniciou a etapa de divulgação da oportunidade (teaser) referente ao processo de venda de 100% da sua participação das ações detidas pela Petrobras Biocombustíveis (PBIO), subsidiária integral da Petrobras, na empresa BSBios, que correspondem a 50% do capital da companhia.

Gol (GOLL4) / Recompra - A Gol anunciou o início de uma oferta pública para aquisição parcial em dinheiro de até 50 milhões de dólares em notas sênior com vencimento em 2020 e cupom de 9,250 por cento, informou a companhia aérea em comunicado na noite de quinta-feira.

Neoenergia / Oferta Pública - A Neoenergia anunciou que “diante das atuais condições do mercado”, a companhia optou por cancelar a sua oferta pública de ações. De acordo com o jornal Valor Econômico, os acionistas decidiram não levar adiante o IPO pelo fato de a oferta não ter atraído demanda para os papéis na faixa de preços indicada – R$ 15,02 a R$ 18,52.

Lojas Renner (LREN3) / Juros sobre capital próprio - O Conselho de Administração da Lojas Renner aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio relativo ao exercício de 2017 correspondentes a R$ 0,0743 por ação. Hapvida / IPO - A operadora de saúde Hapvida, com forte presença no Norte e Nordeste, pretende realizar uma oferta inicial de ações na B3 em março ou abril de 2018, segundo o Estadão. A avaliação preliminar da empresa está entre R$ 14 bilhões e R$ 16 bilhões.

Petrobras (PETR4) / Pagamento - A estatal informa que realizou hoje o desembolso da primeira parcela do financiamento contratado com o China Development Bank (CDB), no valor de US$ 3 bilhões. O saldo remanescente do contrato, de US$ 2 bilhões, deverá ser desembolsado no início de janeiro de 2018.

Carrefour (CRFB3) / Governança - A empresa anunciou um novo Comitê Executivo pelo presidente do Grupo Carrefour Brasil, Sr. Noël Prioux. Este Comitê Executivo será encarregado da implementação da estratégia da empresa para entregar um crescimento sustentável.

Embraer (EMBR3) / Juros sobre capital próprio - A Embraer autorizou o pagamento de juros sobre o capital próprio referentes ao 4º trimestre de 2017 no valor de R$ 0,09 por ação.
Recomendações do dia
Eletrobrás (ELET6) / Santander - O Banco anunciou que vê o processo de desestatização da Eletrobrás um pouco menos ambicioso, assim, optou por cortar o preço-alvo da ação para R$ 20,77 e reduzir a recomendação de compra para underperform.

Engie Brasil (EGIE3) / Santander - O Banco elevou a recomendação para compra e o preço-alvo para R$ 39,80.

Trans Paulista (TRPL4) / Santander - O Santander elevou o preço-alvo do ativo para R$ 73,82.

Energias Brasil (ENBR3) / Santander - O Banco Santander elevou a recomendação do papel para compra.

Eneva (ENEV3) / Santander - O Banco iniciou a cobertura do ativo com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 17,05.

.

.