Passivo circulante e Passivo exigível a longo prazo


Alguns leitores nos perguntaram sobre passivo circulante e passivo exigível alongo prazo , então vamos la para nossa resposta.


Passivo circulante :
São as obrigações que normalmente são pagas dentro de um ano: contas a pagar, dívidas com fornecedores de mercadorias ou matérias-prima, impostos a recolher (para o governo), empréstimos bancários com vencimento nos próximos 360 dias, provisões (despesas incorridas, geradas, ainda não pagas, mas já reconhecidas pela empresa: imposto de renda, férias, 13° salário etc.).


São considerados exemplos de passivo circulante:
  • Fornecedores ou duplicatas a pagar;
  • Empréstimos bancários;
  • Títulos a pagar;
  • Encargos sociais a pagar;
  • Salários a pagar;
  • Impostos a pagar.

Passivo exigível a longo prazo :
São as obrigações de uma empresa que serão liquidadas após o final do exercício financeiro seguinte. Na maioria das instituições, considera-se o "exercício", um ano civil corrido. Em algumas instituições - como banco por exemplo - um "exercício" é considerado a cada 06 meses. São exemplos os financiamentos, títulos a pagar, entre outros.
O passivo exigível trata-se das obrigações com terceiros, como duplicatas a pagar, notas promissórias a pagar, fornecedores, impostos a recolher, contas a pagar, títulos a pagar, contribuições a recolher e outras, que terão seu vencimento após o encerramento do próximo exercício financeiro em relação ao fato corrente.

YBBRIO ALEXANDRE YOKOYAMA FINANCIAL ASSET

YBBRIO ALEXANDRE YOKOYAMA FINANCIAL ASSET
SÃO PAULO RIO DE JANEIRO LONDRES TOKYO

.