Oi: CVM e Bovespa questionam movimentação com ações da companhia

Agenda do investidor para esta terça-feira

PNAD Contínua: produz informações contínuas sobre a inserção da população no mercado de trabalho. Índice de Preços ao Produtor: mede a evolução dos preços de produtos na porta de fábrica, sem impostos e fretes, de 23 setores da indústria brasileira de transformação. Nota de Política Fiscal: dados sobre o montante e composição da dívida pública federal.Reunião FOMC Início: Começam as séries de reuniões do FOMC (Federal Open Market Committee) do FED (banco central norte-americano) que definem o rumo da taxa de juros básica dos EUA. Employment Cost Index: índice de custos dos trabalhadores norte-americanos. S&P Case-Shiller HPI: índice de preços de moradias referente ao mercado imobiliário residencial norte-americano. Consumer Confidence: índice que mede, por meio de entrevistas, a situação econômica atual e expectativa do consumidor norte-americano para o futuro próximo. Produção Industrial: variação mensal da produção industrial na China.

Oi: CVM e Bovespa questionam movimentação com ações da companhia

Em resposta a questionamentos da CVM e Bovespa sobre a oscilação e volume de negócios com as ações da Oi (BOV:OIBR4) nos últimos dias, a companhia esclareceu que foram veiculadas notícias recentes especulando sobre potenciais alterações no plano de recuperação judicial da companhia apresentado no ano passado. A Oi afirma que, contrariamente às especulações, não há, até esta data, decisão definitiva com relação a qualquer alteração no plano de recuperação. A administração da Oi vem se reunindo com credores e potenciais investidores regularmente. Uma das alternativas preliminares seria a entrega imediata de ações aos credores, em condições que ainda não foram definidas. Como referência preliminar do total da dívida, tendo em vista o valor de mercado dos títulos e considerando o valor da empresa após a reestruturação da sua dívida, estima-se o valor de aproximadamente R$ 10 bilhões.

YBBRIO ALEXANDRE YOKOYAMA FINANCIAL ASSET

YBBRIO ALEXANDRE YOKOYAMA FINANCIAL ASSET
SÃO PAULO RIO DE JANEIRO LONDRES TOKYO

.