Corrupção na Petrobras: Acordo milionário nos EUA

Agenda do investidor para esta quinta-feira

Sondagem do Consumidor (FGV): índice que mede através de questionários a famílias as principais capitais do Brasil sobre situação econômica do país e da família, orçamento doméstico, grau de dificuldade de encontrar trabalho e intenções de compras de bens de alto valor. Nota de Política Monetária (BACEN): dados sobre a evolução dos agregados monetários (papel moeda, depósitos, câmbio entre outros) e operações de crédito do sistema financeiro. Feriado nos EUA: Thanksgiving Day. Todos os mercados estarão fechados na praça norte-americana.

Corrupção na Petrobras: Acordo milionário nos EUA

A Petrobras (BOV:PETR4) aprovou acordos para encerrar onze ações individuais propostas perante a Corte Federal de Nova Iorque, nos EUA. A Petrobras já havia celebrado acordos para encerrar outras quatro ações individuais propostas na mesma corte, em outubro deste ano. Os valores dos acordos estão incluídos na provisão de US$ 364 milhões incluída no balanço do terceiro trimestre. Essas onze ações individuais foram consolidadas, para fins de julgamento, com outras doze ações individuais (além das quatro já extintas por acordo) e a class action (ação coletiva) movidas contra a companhia nos EUA. A companhia já alcançou acordo em mais da metade das ações individuais consolidadas com a ação coletiva. Os termos dos acordos são confidenciais e não constituem reconhecimento de responsabilidade por parte da Petrobras, que continuará se defendendo das demais ações em andamento.

YBBRIO ALEXANDRE YOKOYAMA FINANCIAL ASSET

YBBRIO ALEXANDRE YOKOYAMA FINANCIAL ASSET
SÃO PAULO RIO DE JANEIRO LONDRES TOKYO

.