YBBRIO GROUP ON LINE: Escapando das multas nos distratos


YBBRIOGROUP 


Escapando das multas nos distratos 

A compra na planta sempre foi uma forma inteligente das incorporadoras reduzirem o seu risco e, por tabela, aumentar o risco do comprador.

É uma grande vantagem que as incorporadoras têm de poder lançar um produto e desistir em até 180 dias, caso o empreendimento não venda um determinado percentual. Assim, se reduz o risco de venda.

Outra grande vantagem é poder usar o dinheiro do próprio comprador. Ao exigir que entre 20% e 30% do valor do imóvel seja pago até a entrega, a incorporadora tem uma vantagem de ter uma fonte de financiamento barata para seu capital de giro.

Com esse modelo de conseguir dinheiro antes de entregar o produto, a incorporadora reduz seu risco e custo financeiro. O comprador pode até não perceber, mas está, efetivamente, concedendo um empréstimo.

Nem tudo, porém,  é vantagem para as incorporadoras. Ao aceitar o modelo de compra na planta, o consumidor tem a vantagem de poder desistir a qualquer momento antes da entrega.

Quanto menos ele pagou, maior é o incentivo para desistir num mercado com grandes descontos. Ao mesmo tempo, os bancos estão rejeitando a concessão de crédito para uma quantidade enorme desses compradores.

Todo esse movimento fez explodir o número de desistências nesse período anterior à entrega. As estimativas é que foram cerca de 50 mil em 2015 e continua crescendo em 2016.

.

.