Reservas da Petrobras despencam em 2015

Agenda do investidor para esta segunda-feira
IPC-S (FGV): Índice de Preços ao Consumidor - Semanal. Relatório Focus (Banco Central): Relatório semanal com as projeções econômicas do mercado com base em consulta a aproximadamente cem instituições financeiras. Balança Comercial: Saldo da Balança Comercial brasileira na semana. Personal Income and Outlays: dados de renda e dispêndio dos consumidores norte-americanos. ISM Mfg Index: indicador que mede o nível de atividade da economia dos EUA. Construction Spending: gastos com construção em todos os níveis da economia pública, privada, residencial e não residencial dos EUA.
Reservas da Petrobras despencam em 2015
As reservas provadas da Petrobras (BOV:PETR4) caíram 20% em 2015, para 13,28 bilhões de barris equivalentes de petróleo (boe), devido a outros fatores que não a extração do petróleo e do gás natural, como monetização de reservas e revisões, o que equivale a cerca de 2,58 vezes a produção anual. A relação entre o volume de reservas e o volume produzido é de 14,2 anos. O Índice de Desenvolvimento, que é a relação entre as reservas provadas desenvolvidas e as reservas provadas, foi de 44,5% em 2015.

.

.