Agenda do investidor para esta quarta-feira /OGX: Prejuízo dispara em 130%, para 1,1 bi


A FGV (Fundação Getulio Vargas) divulga o IGP-M, índice de inflação calculado todo o mês e comumente utilizado para a correção de contratos de aluguel e tarifas de energia elétrica. O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulga o IPP (Índice de Preços ao Produtor) que mede a evolução dos preços de produtos na porta de fábrica, sem impostos e fretes, de 23 setores da indústria brasileira de transformação. Nos Estados Unidos o Departamento do Comércio publica as Vendas Pendentes de Imóveis. O Departamento de Energia publica os estoques semanais de petróleo.
A OGX Petróleo (OGXP3), do mega empresário Eike Batista, reportou um prejuízo líquido de R$ 1,1 bilhão em 2012, alta de 130% na comparação anual. No quarto trimestre de 2012 (4T12), o prejuízo foi de R$ 285,7 milhões, 14% menor em um ano. Segundo a companhia, a justificativa para a alta expressiva nas perdas foram os poços não comerciais e as despesas com a variação cambial. A petrolífera saiu de receita zero em 2011, para vendas de R$ 325,4 milhões em 2012. No entanto, Luiz Carneiro, presidente da companhia, reconheceu que o volume total de barris recuperáveis nos blocos atuais da companhia deverá ser reduzido, mas a companhia continuará com práticas de otimização.

PARCEIROS E COLABORADORES UTILIZAM:

.