OGX sai do pior para melhor desempenho no mercado brasileiro


A empresa de Eike, que prometeu no início de 2012 que terminaria o ano com uma produção diária de pelo menos 40.000 barris, está produzindo cerca de um quarto desse total

Juan Pablo Spinetto e Peter Millard, da 
RUI PORTO FILHO/Agência Estado
Eike participa da cerimônia de extração do primeiro barril de petróleo da OGX, acompanhado pela presidente Dilma Rousseff e pelo governador do Rio, Sérgio Cabral, em abril de 2012.
OGX: a empresa, que é controlada pelo bilionário Eike Batista e fechou 2012 com uma queda de 68 por cento, apresenta uma valorização de 19 por cento desde o início do ano
São Paulo - OGX Petróleo & Gás Participações SA, ação de pior desempenho no mercado brasileiro no ano passado, acumula em 2013 a maior alta entre seus pares no mercado mundial após aumentar a produção.

A OGX, que é controlada pelo bilionário Eike Batista e fechou 2012 com uma queda de 68 por cento, apresenta uma valorização de 19 por cento desde o início do ano.
É o maior ganho entre as 126 ações do índice FTSE All-World Oil & Gas Producers. A empresa também lidera a alta entre componentes do Ibovespa, que subiu 1,3 por cento no período.
A empresa de Eike, que prometeu no início de 2012 que terminaria o ano com uma produção diária de pelo menos 40.000 barris, está produzindo cerca de um quarto desse total.
Um fluxo consistente de notícias positivas sobre a companhia -- desde a início de produção de um poço em 31 de dezembro à descoberta de petróleo em uma área próxima -- pode estar convencendo investidores de que Eike finalmente poderá cumprir a promessa feita, disse Lucas Brendler, que ajuda a administrar R$ 5 bilhões na Geração Futuro Corretora.
“São pontos que vem agregar para a OGX depois da lacuna que ela abriu com o investidor não atingindo os guidances que ela se propunha”, disse Brendler em entrevista por telefone de Porto Alegre. “Ela começa a mostrar sinais de que a recuperação da confiança do investidor já pode ser algo mais perto da realidade.”
A assessoria de imprensa da OGX disse que a produção em seu terceiro poço está passando por ajustes antes de se estabilizar. A empresa pretende divulgar a produção média de janeiro no início do mês que vem



.

.