Julgamento do mensalão é "marco" para Brasil, afirma FT


Condenação de réus do mensalão repercute bem no exterior. Financial Times afirma que atuação do Supremo sinaliza uma melhor governança no Brasil 


José Cruz/Agência Brasil
Supremo Tribunal Federal julga o processo conhecido como mensalão
Joaquim Barbosa, que já tem até máscara de carnaval, Gilmar Mendes e Celso de Mello: muito mais condenações que absolvições no julgamento do mensalão 
São Paulo – Nesta quinta-feira, mais seis políticos foram condenados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) acusados de receber dinheiro do mensalão para votar com o governo no Congresso. Eles se juntam a uma já razoável lista de pessoas que deverão ser punidas por envolvimento no esquema. Começa a ser derrubado, assim, o ceticismo da população de que poderosos possam de fato ser punidos no Brasil.
É este o cenário brasileiro retratado pelo britânicoFinancial Times em matéria sobre o impacto do julgamento para o país. 
Uma das provas da relevância das condenações,segundo o jornal, é que máscaras do Ministro Joaquim Barbosa, relator do caso, já são a aposta do carnaval do Rio no ano que vem. Um “efeito colateral positivo”, aponta a publicação.
"Um número crescente de condenações está transformando (o julgamento) em um potencial marco – ou sinal, ao menos – do caminho tortuoso do Brasil rumo a uma governança melhor", afirma o texto.
O FT lembra que o julgamento do réu mais esperado, o ex-ministro José Dirceu, deverá ocorrer às vésperas do primeiro turno das eleições, o que pode ter consequências para a tentativa do ex-presidente Lula de eleger prefeitos petistas em capitais como São Paulo e Recife.
“O que o mensalão mostra é que o Brasil tem instituições. Elas podem não ser perfeitas, mas funcionam”, diz um dos entrevistados ao jornal, mostrando que a repercussão do julgamento tem sido positiva para a imagem do país lá fora. 

PARCEIROS E COLABORADORES UTILIZAM:

.