TIM: Grave acusação da ANATEL em relatório



Um relatório apresentado pela ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações) acusa a TIM (TIMP3) de interromper propositalmente as chamadas feitas dentro plano Infinity, informa reportagem do jornal Folha de S.Paulo. O relatório foi entregue ao Ministério Público do Paraná, que deverá pedir a suspensão das vendas da operadora no Estado novamente. O MP pedirá ressarcimento aos consumidores do plano Infinity no Paraná e pagamento de indenização por dano moral coletivo, informa a reportagem. A companhia se defendeu das acusações afirmando que trabalha constantemente para melhoria e ampliação de sua rede e os problemas enfrentados por seus usuários são devidos à instabilidade de sinal pontual e momentânea.

.

.