BTG também pode estar na disputa pelo BMG



Além do Bradesco, banco de André Esteves estaria interessado no negócio

  
 
Julio Bittencourt
André Esteves, fundador do BTG Pactual
André Esteves, fundador do BTG Pactual
São Paulo - Além do Bradesco, o banco BTG Pactual, de André Esteves, estaria comversando sobre uma possível negociação com o BMG. A informação é do jornal Valor Econômico, desta sexta-feira.
Segundo reportagem, as duas instituições financeiras começaram a conversar antes mesmo das frustradas negociações do BTG com o Cruzeiro do Sul, no início do mês de junho.
A ideia é que o BTG assuma o controle do banco, mas que a família Pentagna Guimarães - que controla o BMG - permaneça como acionista. Ainda de acordo com o Valor, a intenção é unir as operações do Panamericano com a do BMG.
Há cerca de um ano, rumores de que o BTG estaria interessado em comprar o BMG, por meio do Panamericano, circularam no mercado. Na ocasião, o banco não descartou a negociação, mas afirmou que não existia nada de concreto naquele momento para ser divulgado.
Panamericano, em 2010, viveu a pior de suas crises, o banco apresentou um rombo de 4 bilhões de anos. No começo do ano passado, o BTG comprou a totalidade de ações do Grupo Silvio Santos no PanAmericano por 450 milhões de reais.

PARCEIROS E COLABORADORES UTILIZAM:

.